Enem Digital: Descubra como funcionará

Imagem: Crypto ID

 

O Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM) começará a testar um novo formato de aplicação a partir de 2020. A novidade anunciada na quarta-feira, 3 de julho, em coletiva de imprensa, revelou que o objetivo do Ministério da Educação é tornar a prova totalmente digital até 2026. 

O ministro da Educação, Abraham Weintraub, e o presidente do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais (Inep), Alexandre Lopes, anunciaram que no ano que vem será aplicada uma prova piloto digital para até 50 mil estudantes que escolherem esse formato. A prova digital será aplicada nos dias 11 e 18 de outubro de 2020 em 15 capitais brasileiras. A versão impressa por sua vez já possui data marcada, 1 e 8 de novembro. Os valores da prova de 2020 não foram informados mas serão iguais para os dois tipos de prova.

• Como funcionará o Enem Digital?

Na coletiva realizada, o Inep informou que a empresa encarregada pela aplicação da prova impressa fornecerá computadores e equipamentos para a realização da prova digital. O Enem Digital será realizado em locais de provas específicos, com estrutura para receber os computadores. 

As questões da prova digital serão diferentes da prova impressa mas com os mesmos níveis de dificuldade, podendo conter vídeos, infográficos e games. Tanto a versão digital quanto a impressa continuarão utilizando o método de Teoria de Resposta ao Item (TRI). 

• Mais de um Enem por ano

Abraham Weintraub afirmou na coletiva que a primeira edição do Enem Digital acontecerá apenas uma vez no ano, em outubro de 2020. Mas informou que o objetivo do Ministério da Educação é fazer com que haja um aumento gradativo das aplicações, possibilitando ao aluno marcar a data da realização da prova. 

Em 2021, estão previstas duas edições do Enem digital e uma impressa. De 2022 a 2025 é aguardado um aumento gradativo até atingir quatro edições do Enem digital, além da edição tradicional. Já em 2026, será o fim do Enem impresso, tendo a aplicação apenas da prova digital obrigatória. 

Conteúdo das provas

O Enem Digital de 2020 e a prova impressa continuarão com o mesmo formato: questões de Ciências Humanas, Linguagens e Códigos, Ciências da Natureza, Matemática e Redação. No entanto, durante a coletiva, o Inep afirmou que pretende alterar gradativamente a prova, tendo como base os “itinerários formativos” do Novo Ensino Médio, com base nas áreas de atuação do aluno.